Até que ponto vale à pena ficar pagando aluguel?

Pagar aluguel de casa está cada vez mais caro, mas algumas pessoas só tem (ou preferem) essa opção para atingir a independência residencial. O problema é que, com o aquecimento do mercado imobiliário, os imóveis ficaram super valorizados nos últimos anos e, agora, pagar aluguel está cada vez mais difícil para muita gente.

O aluguel tem suas vantagens – ao contrário do que muita gente pensa e paga-lo pode ser uma boa saída. O aluguel é uma forma de conquistar o sonho de ter uma casa para chamar de sua, mesmo que momentaneamente, sem ter que investir de cara um capital de giro alto ou dar uma entrada expressiva no imóvel para dar conta de pagar as prestações.

Os imóveis podem ser alugados de forma simples, sem muita burocracia e rendem margem para negociações, o que é muito bom. Dessa forma a pessoa recebe as chaves e vai morar no lugar escolhido sem ter que despender de algum dinheiro extra para isso. Os contratos de aluguel de casa são curtos, com cerca de um ano de duração, e aí reside outra vantagem: caso você enjoe de morar no mesmo lugar durante muitos anos, pode simplesmente trocar de casa sem maiores complicações, sem ter que mexer em documentos ou vender uma casa para dar entrada em outra.


Mas tem gente que não compra essas vantagens, e espera o momento certo para adquirir a casa própria. Isso porque pagar aluguel tem várias desvantagens. Agora chegou a hora de apresenta-las: a primeira delas é que você poderia estar investindo num bem próprio, como a casa, e poupando algum dinheiro – mas, ao invés disso, está apenas pagando o aluguel, que não deixa de ser um investimento sem retorno.

Afinal, quando você sair do imóvel, não importa se ele desvalorizar ou valorizar, você não é a pessoa que vai se beneficiar com isso. Alguns dizem que pagar aluguel impossibilita muito a compra da casa própria, já que o dinheiro que poderia ser poupado é investido nas agências imobiliárias. Outra desvantagem é que no caso do aluguel você não pode fazer nenhuma reforma ou mudança de estrutura do imóvel sem antes entrar em contato com o dono do imóvel.

Por isso a casa própria, sem aluguel, ainda é a melhor opção. E para os que querem entrar de vez nesse sonho, o melhor momento para investir na casa própria é quando existir uma reserva boa de dinheiro (ou de bens) para servir de entrada e diminuir o valor (e os juros) das prestações. A dica é contatar o corretor de confiança para que ele possa estudar as melhores casas e apartamentos para cada tipo de bolso.

Não tenha medo de investir em uma casa própria! Nossas vidas são feitas de alguns sacrifícios, e para muitos, a casa própria é um desses sacrifícios que devemos encarar com muita coragem e determinação. O retorno que uma casa própria pode lhe render é inestimável, além de ser um bem que passará para as outras gerações. Invista num imóvel e realize esse sonho!

Tags :

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.